Desembargador que humilhou guarda municipal é visto usando máscara
PRAIA DA APARECIDA - Depois de ter se envolvido em mais uma polêmica no meio da semana, o desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), Eduardo Siqueira, enfim, foi flagrado caminhando pela orla de Santos, utilizando máscara facial, cumprindo as regras de prevenção ao novo coronavírus. O registro foi feito neste domingo (9), por volta das 12h20, na praia da Aparecida. 

Na última quarta-feira (5), uma foto do magistrado, sem o equipamento de proteção, voltou a circular nas redes sociais . Na imagem, Siqueira era visto falando ao telefone, sem máscara, enquanto caminhava pela faixa de areia.

À Reportagem do Santa Portal, naquela ocasião, ele informou, por meio de nota, enviada por seu advogado, que não sabia dizer se as imagens haviam sido, de fato, registradas naquela data, porque outras com a mesma roupa já haviam sido publicadas pela imprensa antes.

Segundo ele, desde o incidente do último dia 18 de julho, quando foi flagrado humilhando um guarda municipal ao ser multado, tem usado máscara em suas caminhadas matinais. O desembargador também afirmou que recorreu da decisão do Procurador-Geral de Justiça do Ministério Público do Estado de São Paulo, que instaurou um inquérito civil contra ele.

"No mais, mantenho-me firme na defesa dos meus direitos e à inteira disposição dos órgãos competentes para maiores esclarecimentos", informou em nota.