Em shopping de Guarujá, padre estupra menino de 14 anos e é preso em flagrante


45 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 10/12/2019 às 14:32
Em shopping de Guarujá, padre estupra menino de 14 anos e é preso em flagrante Reprodução/Diocese de Campo Limpo

ESTUPRO - O padre Anderson de Moraes Domingues, de 43 anos foi preso em flagrante por seguranças do shopping La Plage. Ele é acusado de estuprar um menino de 14 anos e de abusar sexualmente de outro garoto, de 13 anos.

O flagrante só foi possível porque a vítima mais nova, desconfiada das intenções do religioso, alertou os seguranças do estabelecimento, que passaram a monitorar o trio. Ao se distraírem por um momento, perderam o grupo de vista e os procuraram no banheiro do local, onde encontraram o padre e um dos garotos, nus, trancados em uma das cabines. Os seguranças arrombaram a porta, libertaram o menino e chamaram a polícia.

O padre, então, foi conduzido à Delegacia do Guarujá, onde foi autuado, e depois recolhido à Cadeia Anexa do 1º DP do Guarujá, onde permanece à disposição da Justiça.

O Santaportal entrou em contato com a Diocese de Campo Limpo, da Capital, à qual pertence a igreja liderada pelo religioso. Confira, na íntegra, a nota enviada pela Diocese:

"A Diocese de Campo Limpo tomou na manhã de hoje, informalmente, através da imprensa, consciência dos fatos relacionados ao Padre Anderson Moraes Domingues. A Diocese de Campo Limpo, através do seu bispo, Dom Luiz Antônio Guedes, comunica que serão tomadas, no âmbito eclesiástico, as medidas cabíveis segundo o Código de Direito Canônico e as atuais orientações do Papa Francisco, não compactuando, de forma alguma com o comportamento do referido padre. Além disso, como cidadão, padre Anderson responderá o processo que segue nas instâncias civis que apuram o caso. Ainda, lamentamos os fatos ocorridos e prosseguimos comprometidos em seguir as determinações da Igreja para tais casos, além de estarmos unidos em oração pelos que sofrem".