Briosa anuncia pacotão de reforços para a disputa da Série A-2Divulgação/ Portuguesa Santista
PORTUGUESA SANTISTA - Pensando na disputa da Série A-2 do Campeonato Paulista, com início em janeiro de 2020, a Portuguesa anunciou um pacote de oito reforços para o plantel comandado por Sérgio Guedes. 

Três dos oito reforços são velhos conhecidos da torcida e participaram da campanha que deu acesso a A-2 em 2018: o lateral-direito Rafael Ferro, o goleiro Cleyton e o atacante Wendel.

Os demais são uma mistura de experiência com juventude. Confiram:

Romarinho
Campeão da Copa Paulista por duas vezes com o XV de Piracicaba - 2012 e 2016, o meia-atacante de 26 anos passou por Água Santa, Oeste, Penapolense e Noroeste. O jogador é canhoto e tem 1,71m de altura.

Diego Barbosa
Experiente meia de 30 anos, passou por times em território nacional como Guarani, Bragantino, Audax e Paulista sendo campeão da Copa Paulista em 2010 e 2011 pelo último. Também passou pelo futebol internacional, na Árabia Saudita defendeu clubes como o Al Qaisumah e Hajer. O jogador é canhoto e tem 1,75m de altura.

João Gabriel
Zagueiro com experiência vasta no futebol internacional, João Gabriel, 30 anos, passou por clubes da Árabia Saudita - Albatim - e México - CF Oaxaca e Tampico Madero. No Brasil defendeu times como Rio Claro, Rio Branco e São Bento. Destro, o defensor tem 1,90m de altura.

João Clériston
Campeão Brasileiro da Série D em 2016 pelo Volta Redonda, o volante de 25 anos vestiu camisas de clubes como Ferroviária, Portuguesa-RJ e Fluminense entre 2011 e 2013. Com 1,73m, o jogador é destro.

Tauã
Jovem volante de 24 anos, Tauã passou por clubes como São José, Comercial, e São Bernardo. Nesse último conquistou o acesso para a disputa da Série A3 em 2017. O jogador tem 1,76m de altura e é destro.

Mudanças na diretoria
A Portuguesa Santista também anunciou mudanças na diretoria. O ex-presidente Emerosn Coelho, que era o diretor de esportes, passará a integrar um colegiado para resolver questões ligadas ao futebol profissional. Quem assume a vaga é Maciel Turioni, que ficará responsável apenas pelo esporte amador.

Além de Emerson Coelho, o colegiado também terá o vice-presidente Vinicius Bamondes, o diretor jurídico Paulo Mouran e o ex-presidente José Ciaglia.

Por outro lado, Cassiano Carduz e Marcos Martiniano seguem como, respectivamente, gerentes de futebol e administrativo de futebol.