Em Ilha Comprida, trio é detido após postar foto e comer tubarão em extinção


12 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 02/12/2019 às 12:15
Em Ilha Comprida, trio é detido após postar foto e comer tubarão em extinção Divulgação Polícia Ambiental

MEIO AMBIENTE - Três homens foram detidos em Ilha Comprida após pescar um tubarão-touro. Não bastasse isso, eles mostraram-no em redes sociais e ainda o comearam. Eles vão responder em liberdade por crimes ambientais, além de desembolsarem um valor superior a R$ 25 mil em multas.

A espécie é ameaçada de extinção e foi identificada pelas fotos, por um especialista na área de pesquisa em elasmobrânquios do Instituto de Biociência da Universidade Estadual Paulista (UNESP). Foi, então, emitido um laudo técnico.

O caso ocorreu em 20 de novembro. A equipe da 5ª Companhia de Polícia Militar Ambiental Marítima começou a busca aos pescadores cinco dias após o fato. Eles foram encontrados no Balneário Mar e Sol, próximo a entrada do bairro Juruvaúva, em Ilha Comprida.

Ao confessar o crime, o trio contou que, ao se depararem com o animal preso na rede de pesca, trouxe o tubarão para a areia, cortaram-no em várias partes e o comeram.

Segundo a Polícia Ambiental, os três homens foram autuados com base nos artigos 36: "pescar espécie que deva ser preservada” e “exercer a pesca sem licença do órgão ambiental competente”, respectivamente.

Nenhum dos homens possuia carteira de pescador profissional. Eles foram autuados em R$ 8.400 mil cada, dando um totalde R$ 25.200 em multas por crimes ambientais.