Evandro comemora fim de jejum e atuação diante da Chapecoense: "Estava ansioso"


6 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 02/12/2019 às 11:32
Evandro comemora fim de jejum e atuação diante da Chapecoense: "Estava ansioso" Ivan Storti/Divulgação Santos FC

SANTOS FC - Depois de 17 jogos com a camisa do Santos, Evandro anotou seu primeiro gol com a camisa do Peixe. E ainda fez uma assistência. Ele foi o principal nome dos 2 a 0 sobre a Chapeconese na noite de ontem, na Vila Belmiro.

"Estava ansioso. Eu tinha dito que nunca tinha ficado tanto tempo sem um gol. Acontece com muitos jogadores, mas tem que trabalhar. Ontem poderia não ter saído, mas estou feliz que saiu", disse, em entrevista coletiva no CT Rei Pelé.

A parceria com o uruguaio Carlos Sánchez foi exaltada pelo meia. "O que acho na questão do entrosamento é tem que ter paciência. Estou me sentindo bem jogando com o Sánchez e espero continuar cada vez mais adquirindo entrosamento", ressaltou.

Com a demissão de Mano Menezes do comando do Palmeiras, o assédio ao técnico Jorge Sampaoli ganhou mais um forte candidato. Para Evandro, a permanência ou não do argentino é alvo de debate entre os jogadores. "Na conversa entre nós, a gente gostaria que ele ficasse. O Santos fez uma campanha boa e, para o ano que vem, seria muito mais fácil se ele permanecesse", afirmou.

Com contrato até julho de 2020, Evandro pode assinar um pré-contrato com qualquer clube em janeiro. No entanto, ele ressalta a prioridade do Peixe em prolongar o vínculo. "O Santos tem a prioridade de estender até dezembro, mas ainda nada foi falado", lembra.