Campanha de vacinação contra o sarampo termina em Santos


13 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 01/12/2019 às 11:07
Campanha de vacinação contra o sarampo termina em Santos Isabela Carrari/Divulgação Prefeitura Municipal de Santos

SANTOS - A campanha de vacinação contra o sarampo para adultos jovens (entre 20 e 29 anos) se encerrou neste sábado, Dia D, com 637 vacinados do público-alvo em Santos desde 18 de novembro. Destes, 167 procuraram uma das 19 policlínicas abertas na Cidade no último dia.

Em Santos, o público-alvo de 20 a 29 anos de idade é formado por 63.995 pessoas, sendo que mais de 51.400 já tomaram duas doses da vacina, conforme registro do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), restando 9.393 a ser imunizadas para atingir a meta de 95% de cobertura.

A operadora de hipermercado Anelise Fogaça da Silva, 28 anos, tomou uma dose de vacina contra o sarampo para reforçar a sua proteção, ainda mais por causa do filho de quatro anos. “Um coleguinha dele teve sarampo e foi feito o bloqueio vacinal na escola. Como também trabalho com o público, me sinto mais protegida com esta nova dose”.

“Vale lembrar que, embora a campanha contra o sarampo tenha terminado, as vacinas continuam à disposição nas policlínicas para aqueles que estão com o esquema vacinal incompleto”, destacou Ana Paula Valeiras, chefe do Departamento de Vigilância em Saúde.

De acordo com diretriz do Ministério da Saúde, devem ser vacinados contra o sarampo: crianças de seis meses a menores de um ano de idade (dose zero); crianças a partir de um ano (primeira dose) e crianças de 15 meses (segunda dose).

Os adultos de até 29 anos de idade devem ter tomado duas doses da vacina para estar protegidos. Quem tomou apenas uma dose, deve completar o esquema vacinal. Aqueles que não tomaram nenhuma dose ou perderam a caderneta, devem fazer o esquema completo. Adultos de 30 até 49 anos precisam ter pelo menos uma dose registrada e, a partir de 60 anos, não é necessário vacinar-se contra o sarampo.

HPV
A abertura das unidades neste sábado também foi oportuna para a imunização contra o HPV: 40 crianças e adolescentes (meninas de nove a 14 anos e meninos de 11 a 14) se vacinaram. Somente após a aplicação das duas doses da vacina, que deve ocorrer no intervalo de seis meses, é que os adolescentes ficam protegidos contra verrugas genitais e vários tipos de câncer (colo de útero, vulva, pênis, entre outros).

Novembro Azul
Todas as 19 policlínicas abertas neste sábado ainda fizeram palestras e grupos de orientação para o público masculino sobre a importância das consultas de rotina e realização do exame PSA (antígeno prostático específico), que verifica se há alteração da quantidade dessa proteína na próstata.