Lançado concurso para estimular a produção de curtas-metragens em Santos


24 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 20/11/2019 às 10:28
Lançado concurso para estimular a produção de curtas-metragens em Santos Isabela Carrari/Prefeitura de Santos

CINEMA - Com o objetivo de aumentar o número de produções audiovisuais de Santos e movimentar a economia local, a Prefeitura lançou no início da tarde de ontem o 1º Concurso de Apoio a Projetos Culturais de Curtas-Metragens, no Paço Municipal.

Em 2020, a Secretaria de Cultura (Secult) vai oferecer R$ 300 mil reais para os cinco projetos selecionados no concurso (R$ 60 mil para cada). As produções deverão ter, no máximo, 25 minutos de duração e serem obras de ficção.

As inscrições já têm data marcada: entre os dias 6 e 10 de janeiro. Os interessados deverão morar em Santos, no caso de pessoas físicas, ou ter a sede de suas produtoras ou entidades sem fins lucrativos instalada na Cidade.

Ainda como forma de estimular a economia local, 70% das contratações das produções deverão ser feitas com empresas de Santos. O edital com todos os detalhes do certame será publicado na edição desta quinta-feira (21) do Diário Oficial.

Durante o lançamento, o prefeito Paulo Alexandre Barbosa falou sobre as verbas para o setor em 2020. “No próximo ano, teremos o maior orçamento em cultura da história, com R$ 46 milhões, o que representa 1,45% do orçamento. Um índice jamais alcançado”.

O prefeito comentou também sobre o desejo de ver as cinco produções selecionados no concurso fazendo parte da programação do Encontro de Cidades Criativas da Unesco 2020. “Será uma grande oportunidade para darmos visibilidade às produções santistas, e queremos apresentá-las dentro do evento”.

Já o presidente do Conselho Municipal de Cultura (Concult), Júnior Brassalotti, além de elogiar a realização do concurso, lembrou grandes nomes da cultura santista. “Desejo que esta iniciativa sirva como farol, para que outras cidades façam o mesmo. Em momento importante como este, não podemos esquecer figuras como Gilberto Mendes, Pagu, Plínio Marcos e Toninho Dantas”.

Convidado para o lançamento do concurso, o ator santista Nuno Leal Maia também deu sua palavra de apoio e incentivo ao concurso. “Acredito que Santos vai provar para o país que podemos fortalecer a economia através da produção cultural”.