Sampaoli elogia estreante Tailson e pede "caldeirão" na Vila contra o Palmeiras


15 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 06/10/2019 às 11:38
Sampaoli elogia estreante Tailson e pede "caldeirão" na Vila contra o Palmeiras Ivan Storti/Divulgação Santos FC

SANTOS FC - O técnico do Santos, Jorge Sampaoli, não pôde conceder entrevista coletiva após a vitória da equipe sobre o Vasco, na tarde de ontem, em São Januário. Como o jogo terminou por volta das 19h e o voo santista estava marcado para as 21h, o treinador falou sobre o resultado contra o Gigante da Colina em material divulgado pela assessoria de imprensa do Peixe.

Dentre os temas abordados, Sampaoli comentou a estreia do jovem Tailson, atacante que é promessa das categorias de base do Santos e que fez diante do Vasco a sua estreia no profissional, marcando o gol da vitória.

“Fico feliz. É um garoto que esteve parado seis ou sete meses. Começou a ser levado em consideração e hoje aproveitou a oportunidade. Tem muito a aproveitar no futuro Hoje (ontem) ele nos deu o gol dos três pontos. Fico contente por ele e pelo clube”, disse o comandante alvinegro.

Sobre a partida, Sampaoli elogiou o comportamento do time, mesmo quando esteve com um a menos após a expulsão de Evandro na reta final do jogo. “Foi muito difícil. Fazia quase 15 anos que não ganhávamos aqui (a última vitória santista em São Januário foi no Brasileirão de 2005). Fico feliz porque conquistamos os três pontos em lugar complicado de jogar. Valorizo o grupo que suportou bem a pressão do Vasco com um a menos”, afirmou.

Por fim, o técnico falou sobre o próximo desafio da equipe: o clássico contra o Palmeiras, na próxima quarta-feira, às 21h30, na Vila Belmiro. Para esse duelo, Sampaoli tem alguns desfalques certos, como o venezuelano Soteldo e o paraguaio Derlis González, que vão defender as suas seleções em amistosos da Data Fifa, além de Felipe Jonatan, que foi convocado pela Seleção Brasileira sub-23. Evandro, que foi expulso contra o Vasco, terá que cumprir suspensão automática no clássico. O meia uruguaio Carlos Sánchez, que se recupera de uma lesão na coxa direita, será reavaliado pelo departamento médico e é dúvida para enfrentar o Verdão.

“Jogamos pelos três pontos. Temos que buscar o jogo. Temos ausências pela Data Fifa, mas estou convencido de que o time vai brigar, como fez contra Grêmio e Flamengo. A Vila certamente será um caldeirão e peço que a torcida nos ajude a fazer um grande jogo”, concluiu.

Após a vitória deste sábado, o Santos permanece na terceira posição do Brasileiro, com 44 pontos.