Capep-Santos terá central de atendimento 24h e serviço de regulação em saúde


31 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 20/09/2019 às 16:01
Capep-Santos terá central de atendimento 24h e serviço de regulação em saúde Divulgação/Prefeitura Municipal de Santos

SANTOS - Um novo mecanismo de gestão para melhorar a qualidade do serviço prestado pela Capep-Saúde será implementado a partir do próximo dia 30: a Central de Atendimento 24 horas e o serviço de regulação em saúde, que darão mais agilidade e eficiência nos procedimentos médicos, beneficiando cerca de 27 mil pessoas, entre servidores, aposentados, pensionistas e dependentes.

O trabalho será realizado por uma central fora do Município, a cargo da empresa Impacto Auditoria em Saúde, de Belo Horizonte, vencedora da licitação. A Central de Atendimento 24h atenderá pelo número de telefone 4003-5886, que substituirá o atual da Capep (3205-5020) e também servirá para atendimento via WhatsApp. Funcionará ininterruptamente, inclusive aos finais de semana e feriados, para esclarecimento de dúvidas e consultas sobre exames – atualmente, o trabalho ocorre de segunda a sexta-feira, em horário administrativo.

Com o novo serviço, as liberações de exames também serão feitas 24 horas. “Não vamos esperar mais a Capep estar aberta para liberarmos. A pessoa que está internada, aguardando um exame, poderá consultar o processo. Isso vai gerar agilidade nos procedimentos e ainda redução de custos”. Os mutuários ainda receberão e-mail e mensagens de SMS quando um exame for liberado. Sobre a rede credenciada, eles já contam com o aplicativo da Capep nas plataformas Android e iOS.

Regulação em saúde
O contrato inclui serviço de regulação em saúde, que contará com médicos e enfermeiros especialistas nas áreas de ortopedia, oncologia, neurocirurgia e cardiologia. Eles avaliarão todas as solicitações médicas da Capep, verificando, por exemplo, se o que está sendo indicado, como exames, cirurgias, medicamentos e materiais, é o mais aconselhado para o paciente e para seu caso específico.

“A meta é recomendar o melhor para nosso paciente, para que ele tenha uma indicação clínica exata do que precisa, diminuindo também o desperdício. Consequência disso é a possibilidade de atender mais pessoas, de forma mais direcionada e rápida. Será uma análise mais técnica e pormenorizada de cada solicitação, um grau de profissionalização que ainda não tínhamos em 108 anos”, afirmou o presidente da Capep, Adriano Luiz Leocádio, lembrando que até então o serviço de auditoria era feito exclusivamente por funcionários do órgão.

Visitas, cirurgias e prevenção
Por meio de novo sistema informatizado, os médicos auditores terão acesso a todas as informações clínicas dos pacientes, incluindo documentação e exames de imagem. “Nossos médicos auditores também farão visitas hospitalares. Será um acompanhamento mais de perto para reduzir o prazo de internação”, acrescentou Leocádio. Segundo ele, por meio do serviço de regulação, ainda será exigido que os hospitais deem mais informações sobre os pacientes, com mais assertividade no diagnóstico e na proposta de tratamento.

Outra novidade é que a entrada nos pedidos de cirurgias passará a ser realizada diretamente nos hospitais e não mais no atendimento da Capep como atualmente. Além disso, a regulação permitirá que a instituição desenvolva trabalho preventivo na saúde dos servidores, ao verificar quais as especialidades médicas mais procuradas.