Presidente do Sindicato dos Despachantes Aduaneiros considera importante o 1º Fórum Porto & NegóciosDivulgação
FÓRUM - Nivio Perez dos Santos, presidente do Sindicato dos Despachantes Aduaneiros de Santos, considera importante para a Baixada Santista a realização do 1º Fórum de Debates Porto & Negócios - "O Porto e a Ligação Seca entre Santos e Guarujá", promovido pelo Sistema Santa Cecília de Comunicação. O evento será realizado no dia 12 de agosto, a partir das 19h30, no Teatro Coliseu, em Santos. Interessados em participar podem fazer sua inscrição clicando aqui .

"O programa, que já mostra o trabalho desenvolvido por várias categorias que atuam no Porto de Santos e muitas vezes desconhecidas, terá a oportunidade com este evento, junto com a emissora, de colaborar com esta discussão do tamanho e importância do maior porto do hemisfério sul", afirmou o dirigente.

Perez acredita que a escolha entre túnel e ponte para ligar entre as duas cidades deva ser feita com agilidade, pesando os prós e contras da cada opção com bastante cuidado.

"Há muito tempo ouvimos falar desta famosa ligação seca. Vários estudos foram feitos a respeito do local, sobre ponte ou túnel, e, até hoje, nossa Baixada sofre com este assunto. Nossa opinião é que estes estudos venham a público, pois a ponte poderia atrapalhar o trânsito de navios para alguns terminais, uma vez que as embarcações estão cada vez maiores. Por outro lado, o túnel poderia atrapalhar o calado do Porto no futuro. Entendemos que o túnel seria mais viável, mas atualmente temos pontes muito modernas. O que queremos é que este assunto seja resolvido o mais breve possível e a obra seja iniciada", explicou.

O Fórum
O 1º Fórum de Debates Porto & Negócios - "O Porto e a Ligação Seca entre Santos e Guarujá" vai contar com a mediação de Maxwell Rodrigues, apresentador do programa Porto & Negócios, da Santa Cecília TV, e vai debater os projetos para a construção de uma ligação seca entre as cidades de Santos e Guarujá, uma das maiores reivindicações do setor portuário e da população da Baixada Santista.

A proposta de acesso entre as margens direita e esquerda do Porto de Santos por meio de uma ponte é considerada, atualmente, a principal alternativa para permitir a expansão do cais santista. Caso aprovada, ela será construída pela Ecovias, concessionária do Sistema Anchieta-Imigrantes, ao custo de R$ 2,9 bilhões, em troca de um maior prazo de concessão das estradas.

O estudo prevê 7,5 Km de extensão, ligando a Via Anchieta à Rodovia Cônego Domênico Rangoni, para facilitar a integração entre Santos insular e continental, também favorecendo, Guarujá, e agilizar a movimentação logística do porto. Porém, há questionamentos sobre seu vão e altura, além de demandar processo de licenciamento ambiental.

Durante o fórum serão discutidas as vantagens e desvantagens logísticas, além do debate sobre qual é a melhor opção para uma ligação entre as cidades: a construção de uma ponte ou de um túnel.

A outra alternativa existente para a ligação seca entre as margens do Canal do Estuário, desta vez entre Santos e Guarujá, é a construção de um túnel, que já tem projeto executivo licenciado ambientalmente. A proposta de uma tecnologia inédita no país permitiria a ligação entre os municípios, inclusive com a remoção da barreira aérea representada pela linha de transmissão de energia da Usina de Itatinga com extensão do trajeto em 1,2 km, ainda contempla VLT, ciclovias e passagem para pedestres.

Além do mediador, representantes do governo federal, estadual, das prefeituras de Santos e Guarujá e do Porto vão participar do encontro. O debate também será aberto a perguntas do público presente ao fórum.

O Teatro Coliseu fica na Rua Amador Bueno, nº 237, no Centro de Santos.