Definido processo para escolha de filme brasileiro ao Oscar 2020


54 dias atrás
Por: Agência Brasil - Em 02/07/2019 às 13:48
Definido processo para escolha de filme brasileiro ao Oscar 2020 Divulgação

CINEMA - O processo de seleção do filme brasileiro a ser indicado a concorrer ao prêmio de longa-metragem internacional do Oscar 2020 foi definido pelo Ministério da Cidadania. A portaria com todos os requisitos para as inscrições das produções nacionais está publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (2).

Entre os critérios estabelecidos, está o que prevê que o filme tenha sido lançado e exibido inicialmente no Brasil, em sala de cinema comercial, por no mínimo sete dias consecutivos, no período entre 1° de outubro de 2018 a 30 de setembro de 2019.

Os produtores interessados poderão fazer as inscrições de seus filmes até as 18 horas (de Brasília) de 16 de agosto deste ano, por meio de requerimento online, disponível no endereço: http://oscar.cultura.gov.br. “A inscrição somente poderá ser efetivada pela produtora titular dos direitos patrimoniais sobre a obra ou distribuidora devidamente autorizada”.

De acordo com a portaria, caso o filme ainda não tenha sido lançado até a data de encerramento das inscrições, a produtora deverá fornecer uma declaração de sala de cinema comercial, com venda de ingressos, se comprometendo a exibir o filme por no mínimo sete dias consecutivos, dentro do prazo estipulado, de 1º de outubro de 2018 a 30 de setembro de 2019.

Os nomes dos nove especialistas e dois suplentes, que participarão do processo de escolha do filme, foram indicados pela Academia Brasileira de Cinema e possuem notório conhecimento no setor audiovisual. São eles: Amir Labaki, Anna Luiza Machado da Silva Muylaert (Anna Muylaert), David Ribeiro Schurmann (David Schurmann), Ilda Maria Santiago Ribeiro (Ilda Santiago), Mikael Faleiros de Albuquerque (Mikael de Albuquerque), Jussara Nunes da Silveira (Sara Silveira), Vania Beatriz Lima Catani (Vania Catani), Walter Carvalho e Silva (Walter Carvalho) e José Viana de Oliveira Paula (Zelito Viana).

Como suplentes, a academia indicou: Adriana de Lucena Navais Dutra (Adriana Dutra) e Marcio Alcaro Fraccaroli (Marcio Fraccaroli).

A escolha do filme será feita por meio de votação aberta e definida por maioria simples dos votos. O anúncio da produção selecionada será realizado pela Academia Brasileira de Cinema no dia 27 de agosto.