Ex-presidente do Flamengo e outros sete são indiciados por mortes em CT do clube


73 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 11/06/2019 às 13:45
Ex-presidente do Flamengo e outros sete são indiciados por mortes em CT do clube Tomaz Silva/Agência Brasil

FLAMENGO - Eduardo Bandeira de Mello, agora ex-presidente do Flamengo, foi indiciado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro por homicídio doloso (aquele que não tem a intenção de matar), em razão das mortes de dez jogadores da base do Flamengo, após um incêndio no CT Ninho do Urubu, em 8 de fevereiro de 2019.

No inquérito, assinado pelo delegado Marcio Petra, do 42º DP, também é solicitado o indiciamento por dolo eventual de outras sete pessoas: Danilo da Silva Duarte, Fábio Hilário da Silva, Weslley Gimenes (os três engenheiros da NHJ), Edson Colman da Silva (técnico em refrigeração), Luis Felipe Pondé (engenheiro do Flamengo), Marcelo Sá (engenheiro do Flamengo) e Marcus Vinícius Medeiros (monitor do Flamengo).

O Rubro-Negro informa que ainda não foi notificado da decisão e apenas irá se posicionar quando souber do que contém o documento.